Açougue como foco das vendas no varejo alimentar
17/04/2018
Seguro empresarial: funcionários protegidos e varejistas focados
24/04/2018

Quadro FlixTube traz novo formato de conteúdo para assinantes

Conteúdo informativo com uma linguagem informal e objetiva. Essa é a proposta do novo quadro do Flix do Varejo: o FlixTube. O formato traz uma dinâmica diferente e mais próxima aos vídeos informais, sem grandes edições. É como se o usuário estivesse assistindo aos vídeos caseiros e autônomos que viralizam nas redes sociais e plataformas de vídeo como YouTube.

Os vídeos curtos serão produzidos de forma mais próxima possível da realidade da maioria das pessoas que costumam seguir esses canais da internet. O quadro vai abordar assuntos atuais ou temas pouco falados para o segmento do varejo.

Descontraídos, os vídeos serão ricos em informações para deixar o varejista bem antenado especialmente as novas gerações empreendedoras. Na nova proposta, a figura do apresentador vem acompanhada de características que dão um tom de brincadeira com o telespectador e com o tema.

Na primeira veiculação, o FlixTube aborda o tema “Lavagem de Dinheiro”. Embora o assunto venha sendo falado exaustivamente na mídia, o foco aqui é dar uma adaptação da abordagem focada totalmente para o varejo.

O quadro trouxe esse tema para bem próximo da realidade do varejista, já que lojas de varejo podem participar, sem conhecimento, de esquemas de lavagem de dinheiro. Se o proprietário não estiver atento, o nome dele ou do supermercado pode se envolver em algum esquema de lavagem de dinheiro e, quando essa descoberta vier à tona, pode ser tarde demais.

O crime de lavagem de dinheiro ou branqueamento de capitais é uma expressão que se refere à prática econômico-financeira que tem por finalidade esconder a origem ilícita de determinados ativos financeiros ou bens patrimoniais para que tais ativos aparentem uma origem legal.

Entre as principais formas de se praticar lavagem de dinheiro estão a criação de empresas de fachada; empréstimos “faz-de-conta”; compra de joias, pedras preciosas, obras de artes ou outros itens valiosos; investimento em paraísos fiscais ou o famoso conto do bilhete premiado. Nesse último caso, alguém com acesso ao nome dos premiados da loteria informa ao criminoso que procura o sortudo e oferece uma quantia ainda maior para comprar o bilhete.

Na primeira edição do quadro, o apresentador em uma espécie de “youtuber” disserta sobre o tema de forma bem divertida e que prende a atenção de quem está assistindo. Também são dados exemplos práticos de como a fraude acontece e as punições que tal conduta pode acarretar aos envolvidos diretos ou indiretos.

Mais informações sobre o tema

Além do vídeo, o Flix do Varejo traz também um e-book com um aprofundamento do assunto que pode ser lido, impresso ou baixado na seção de e-books que está no ambiente “Leitura”.

O documento digital é dividido em sete itens que também destrincha o assunto de maneira mais clara e fácil. Com o título “Lavagem de Dinheiro: Vacine seu varejo deste mal” o conteúdo aborda como todo o processo ocorre e de que forma pode acabar sobrando até para o pequeno e médio empresário sem que ele perceba.

Também há dicas de como se proteger para não ser vítima do crime ou acabar prejudicando a empresa com esse sistema ilícito. Assine o Flix do Varejo e se atualize de forma bem dinâmica e divertida!

Assine agora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *